Logo white-06.png

AESOP


Projeto nº 40004

Apoio no âmbito do sistema de Incentivos à Investigação e Desenvolvimento Tecnológico (SI I&DT) - Proj. Copromoção

AESOP – Autonomic Service Operation

Custo Total Elegível: 109.698,37€

Apoio financiado da EU: 79.115,75€

Síntese do projeto:

Uma solução de software que seja deployed para a cloud deverá garantir padrões de disponibilidade e desempenho que são, por sua vez, cruciais para garantir a disponibilidade de negócio.

No entanto, apesar de existirem inúmeras abordagens para garantir a monitorização de parâmetros técnicos, com estes não é possível inferir a qualidade do serviço ou serviços em operação. Consequentemente, existe um fosso entre as necessidades de disponibilidade e desempenho das soluções de software e aquilo que é possível observar infra-estruturalmente com as ferramentas de hoje.

Para ultrapassar este fosso, este projeto ambiciona desenvolver uma plataforma que permita a especificação de parâmetros de serviço, por aplicação de software, e a criação de um ciclo de feedback adaptativo que atua ao nível destas mesmas aplicações. Este ciclo de feedback tira partido de abordagens de infra-estrutura virtualizada, assentes em princípios de infrastructure as code, os quais deverão ser expandidos e fortalecidos para contemplar o detalhe aplicacional e não apenas o infra-estrutural. Com isto torna-se explícita a caracterização dos parâmetros de disponibilidade e desempenho de negócio a serem monitorizados, tanto em fase de desenvolvimento como em fase de operação.

Para conseguir atingir este objetivo global, é constituído um consórcio completo, onde a Universidade de Coimbra trará a capacidade de investigação e inovação, desenvolvendo algoritmos de análise e predição de estratégias, a VPS disponibilizará o conhecimento do problema em ambiente real, e a Fiercely disponibilizará o seu conhecimento integrador, garantindo que a visão agregada do desempenho das plataformas existe e que contribui para o posicionamento estratégico do software.

Local: Coimbra